Trilha do Mirante da Janela, Chapada dos Veadeiros, Goiás

TRILHA DO MIRANTE DA JANELA, CHAPADA DOS VEADEIROS, GOIÁS

Saiba todas as dicas da trilha do Mirante da Janela!

A trilha do Mirante da Janela, na Chapada dos Veadeiros, vem chamando bastante a atenção dos aventureiros, um desses fenômenos que bombam no Instagram. E não é à toa, o passeio e a foto de lá são realmente incríveis! Sou fotógrafo do Rio de Janeiro e finalmente tive a oportunidade de voltar à Chapada dos Veadeiros na semana passada, e é claro que a trilha do Mirante da Janela estava no meu roteiro desta vez. Como achei pouca informação sobre a trilha do Mirante da Janela na internet, vou postar detalhes aqui e espero ajudar outros viajantes. Vamos lá!

Onde começa a trilha do Mirante da Janela?

Mirante da Janela, Chapada dos Veadeiros, Goiás

Mapa da Trilha do Mirante da Janela, Chapada dos Veadeiros

A trilha do Mirante da Janela é bem fácil de encontrar. Provavelmente você vai estar de carro em São Jorge, então aqui vão as direções de acordo com o mapa acima: (1) Saia de São Jorge pela estradinha de terra em direção ao Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. (2) Pegue a esquerda nesta bifurcação. Se você errar e pegar a direita (eu errei), você chega rápido na entrada do parque e é só dar meia volta. (3) Aqui fica a antena de São Jorge, se você chegou aqui (eu cheguei), você errou e é só dar meia volta. (4) Preste atenção nestas bifurcações, basta você “seguir reto” quando estiver vindo do ponto 2 e logo você vai achar o estacionamento, marcado por uns troncos de árvore secos e pedras em formatos de cristais e mandalas. Quando você ver isso, estacione o carro, é aí que começa a trilha do Mirante da Janela. Siga na trilha que vai reto e para baixo. (5) Após andar uns 15 minutos, você chega na entrada da trilha do Mirante da Janela, marcada por uma casinha dentro de um vale com um riacho. Nela estava o simpático Graciliano, que nos ofereceu água e café e falou para não usarmos drogas pesadas. É cobrada uma taxa de R$ 10,00 por pessoa e ele explica tudo. Cuidado com a onça :) Siga a trilha. (6) Você vai começar a descer um pouco, até chegar na Cachoeira do Abismo, linda e com fundo dourado. Vale a pena parar e tomar um banho. Depois, siga das setas brancas nas pedras e continue descendo para o vale abaixo (lembre que depois você vai precisar subir isso, então leve bastante água, a Cachoeira do Abismo é o último ponto onde é fácil encher as garrafas). No vale abaixo a trilha é bem marcada, basta seguir, e lá na frente você vai subir a parede esquerda do vale para chegar no Mirante da Janela, Ponto (7). Marquei em branco no mapa a vista que você tem, fantástica, para os Saltos 80m e 120m do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, e todo o vale do Rio Preto.

Qual é o nível de dificuldade da trilha do Mirante da Janela?

Dizem que a trilha tem 8km no total, ou seja, 4km pra ir e 4km pra voltar. A trilha não é curta, mas para que está acostumado com travessias, está longe de ser longa. No geral ela é tranquila, ficando mais pesada apenas na descida do vale com a Cachoeira do Abismo, e na subida do Mirante da Janela (que você vai ter que fazer na volta também). Não são subidas nem descidas muito longas, então com um preparo razoável você tira de letra. Pessoas sem preparo podem achar a trilha avançada.

Precisa de guia na trilha do Mirante da Janela?

Seguindo direitinho essas instruções, não precisa. Eu fui com menos que isso e me virei. Se for um grupo grande com pouca experiência, vale a pena levar um guia local sim.

Dicas fotográficas importantes:

Antes de falar o óbvio, e como sou fotógrafo, aqui vão algumas coisas que curti clicar: fique atento aos jardins de cerrado com as “canelas-de-ema”, essas plantas bem características. Fotos de pessoas utilizando a trilha, subindo e descendo as escadas e curtindo um visual, também me agradam. Chegando lá no Mirante da Janela, você vai se surpreender com o visual. Fica fácil fazer uma foto boa. Acabei não indo tão cedo e cheguei no Mirante da Janela por volta de 12:30h, o que foi bom, já que é o sol da tarde que banha as cachoeiras de frente, ou seja, a luz da tarde é melhor que a luz da manhã para fotos no Mirante da Janela. E o mais importante, aquela super foto que provavelmente você já viu no Instagram, não é tãaaao fácil de achar. Estou falando da foto dentro daquele triângulo de pedras caídas, com as cachoeiras ao fundo. Vi algumas pessoas voltando na trilha sem terem encontrado, mas aqui vão as direções: quando você chegar no Mirante da Janela, na “pracinha central”, siga pela trilha da direita e continue explorando, sempre indo “para a frente”. Uma hora passa a não ficar tão óbvio. Esse lugar fica bem na beirada, então é importante continuar indo até encontrar. Boa sorte!

Vejam minhas fotos na galeria abaixo, da trilha do Mirante da Janela e Cachoeira do Abismo: